Copywriting: como vender mais com produção de conteúdo

Eduardo BrumAutomação de Marketing, Capa, Marketing DigitalLeave a Comment

copywriting-destaque

Laura-terra-copywritingA jornalista Laura Terra foi a responsável por conduzir o encontro de abril do Grupo de Gestão Empresarial do SEPRORGS, na última terça (23). O encontro, realizado no salão de eventos do SEPRORGS, teve como assunto a produção de conteúdo como uma estratégia de vendas.

Veja abaixo as principais dicas de Laura em sua apresentação, “Da escrita simples à máquina de vendas: como construir conteúdos vendedores”.


Os extremismos na copywriting

Em um primeiro momento, a associação entre escrita e vendas pode parecer difícil. Isso porque muitas empresas acabam utilizando esse recurso sem se preocupar com um ponto importante: o que a marca realmente pode oferecer.

De acordo com Laura, o objetivo da copywriting é utilizar uma narrativa que estimula o público-alvo a tomar uma decisão, sem cometer excessos. Um dos exemplos apresentados por ela no encontro foi o da empresa Empiricus. Para a jornalista, a chamada dos primeiros segundos foi essencial para estimular as pessoas a acompanharem o vídeo completo.


Como fazer copywriting em 6 passos

1 – A estrutura começa com uma Big Idea. Segundo Laura, essa ideia funciona como a base do conteúdo que será produzido;

2 – Títulos que envolvam o leitor. Isso vale tanto para blog posts quanto para vídeos, anúncios etc. Laura destaca que os títulos devem apontar benefícios, utilidade, urgência, entre outras características;

3 – Faça uma introdução direcionada, tendo como base na buyer persona que se deseja impactar. De acordo com o nível de consciência que o público possui sobre a necessidade de contar com os seus serviços; quanto mais ele está consciente, mais direta a abordagem e quanto menos consciente, mais indireta.

4 – Use gatilhos mentais que estimulem o subconsciente do público. Promover sensação de urgência, apresentar histórias de sucesso, especificar o resultado que pode ser obtido ao tomar a ação, entre outros, são exemplos de gatilhos.

Quer saber mais sobre como o subconsciente pode afetar o comportamento do consumidor? Veja essa conversa da Harvard Business School com Gerald Zaltman, um dos primeiros pesquisadores desse tema.

5 – Produza textos que sejam fáceis de serem lidos. Escolha sempre as palavras mais simples para apresentar os problemas que o seu negócio resolve. Quanto mais pessoas compreenderem a mensagem que você quer passar, mais chances sua marca terá de aumentar os seus seguidores e clientes.

6 – Ao planejar e escrever, pense em quem não confia em tudo que lê. “Por que eu preciso disso?” ou “quem é você para me ensinar?” são exemplos de questões que você precisa responder no conteúdo produzido. Busque dados que comprovem seus argumentos, passando credibilidade ao público.

A íntegra da apresentação está disponível na página do Facebook do SEPRORGS.

Clique aqui para assistir!


Sobre a palestrante

Laura Terra estudou jornalismo na Universidade Católica de Pelotas e Inglês na Strathfield College (Austrália). Atua como freelancer e investidora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.