Blog

Assessor de Comunicação e suas funções, conheça essa profissão

Assessor de comunicação

Você sabe o que faz um assessor de comunicação?

Muitas pessoas associam essa função ao profissional que faz a conexão entre a empresa e a mídia. Contudo, este cargo envolve diversas atividades complexas que necessitam de uma equipe multidisciplinar integrada.

Em muitos casos, uma equipe de comunicação pode auxiliar outros setores de uma empresa com tarefas de assessoria cadastral junto aos órgãos públicos, por exemplo.

Portanto, trata-se de um profissional imprescindível para companhias que desejam conhecer seus pontos fortes e fracos, além de desenvolver um relacionamento eficiente com a mídia e com os clientes.

Neste artigo, vamos te apresentar tudo sobre o assessor de comunicação, suas principais atividades e a formação necessária para atuar nesse cargo. Confira a seguir!


O que é um assessor de Comunicação?

De modo geral, o assessor de comunicação desenvolve atividades com o objetivo de criar vínculos entre a instituição, pública ou privada, e o público por meio da mídia.

Em outros termos, é a área de comunicação que cuida de todo o processo de assessoria da empresa. E partindo de um conhecimento aprofundado sobre os produtos e serviços, divulgando-os na mídia e zelando por sua imagem institucional.

Portanto, o trabalho do assessor de comunicação envolve mais aspectos do que o relacionamento da empresa com a mídia, embora essa seja parte central da sua atuação.

Geralmente, a equipe de assessoria conta com profissionais do marketing, de publicidade e propaganda, do jornalismo e das relações públicas.


As atividades exercidas pelo assessor de Comunicação

Por se tratar de uma função bastante complexa, o assessor de comunicação possui diversas atribuições dentro de uma empresa, como por exemplo:

  • Criação de um plano de comunicação e das estratégias midiáticas para a empresa;
  • Utilizar os canais internos e externos para divulgar os produtos e serviços para funcionários, clientes e a própria imprensa;
  • Elaborar campanhas publicitárias com o intuito de apresentar os serviços e produtos, sejam eles de interesse privado ou público;
  • Estabelecer vínculos com jornalistas e a mídia como um todo, com o objetivo de definir um fluxo de informação sobre a instituição na imprensa;
  • Zelar pela imagem institucional da companhia, acompanhando os veículos de comunicação e elaborando ações de endomarketing (marketing interno).

Além disso, o assessor de comunicação é responsável por algumas atividades específicas, que vamos explicar abaixo.

Gerenciamento de crise

Em muitos casos, a companhia ou assessorado pode sofrer com ataques à sua imagem institucional ou à sua reputação.

Diante disso, o assessor de comunicação faz o gerenciamento de crise que consiste em contornar essas situações e evitar maiores danos por meio de estratégias midiáticas.

Uma boa assessoria é capaz de prever os momentos de crise e elaborar um plano de gerenciamento que envolve respostas direcionadas, visando o aumento da credibilidade.

Obviamente, existem situações imprevisíveis. No entanto, cabe ao profissional saber responder rapidamente e agir de forma a resolver a situação delicada.

Media training

O media training se refere a um treinamento específico para que o representante da organização apresente boa comunicação oral e compreenda a linguagem dos diversos meios midiáticos.

Assim, o assessor de comunicação analisa os principais veículos – jornais, programas de TV e rádio, portais – e treina o porta-voz considerando as suas principais características.

Para isso, ele pode realizar palestras, simulações de entrevistas e dinâmicas que façam com que o entrevistado se adapte às diferentes situações propostas pelos veículos de mídia.

Redes sociais

Atualmente, empresas que não possuem presença nas redes sociais perdem espaço e não conseguem ter um bom posicionamento de marca junto aos clientes.

Por exemplo, algumas empresas apresentam melhores resultados em redes sociais visuais, como o YouTube e Instagram. Outras desejam se posicionar no mercado corporativo e, assim, o LinkedIn parece a melhor opção.

Portanto, cabe ao assessor de comunicação identificar quais redes sociais são de interesse do cliente e como desenvolver um tom de voz único para a marca nesses ambientes.

Relacionamento com o público

Por fim, um dos principais aspectos do trabalho do assessor de comunicação é o desenvolvimento de estratégias que visam um relacionamento positivo com o público.

Para isso, o comunicador utiliza elementos, como: divulgação na mídia, eventos de interesse, interações nas redes sociais, entre outros.

Contudo, cada empresa possui um público de interesse específico. Logo, o assessor direciona essas ações para esse público-alvo a fim de maximizar esse relacionamento entre a companhia e os seus clientes.


Qual a diferença entre assessoria de comunicação e assessoria de imprensa?

Muitas vezes, se utiliza o termo “assessoria de imprensa” como um sinônimo para assessoria de comunicação. Contudo, se tratam de cargos distintos com atribuições específicas.

O assessor de imprensa é o jornalista que desenvolve um contato direto com os veículos de comunicação – rádio, TV, portais de notícias, dentre outros – a fim de divulgar pautas de interesse da organização.

O assessor de comunicação, por sua vez, elabora extensos planos comunicacionais que abrangem esse relacionamento midiático, além de fortalecer o relacionamento da companhia com clientes, funcionários e empresas parceiras.

Portanto, este último se refere a um trabalho mais complexo que abrange as atividades de assessoria de imprensa.


A formação necessária para ser um assessor de comunicação

Para ser um assessor de comunicação, é necessário ter graduação de nível superior em jornalismo, relações públicas, marketing ou publicidade e propaganda.

O tempo médio para conclusão desses cursos é de 4 anos, que são oferecidos por instituições públicas e privadas de ensino superior credenciadas pelo Ministério da Educação (MEC).

Algumas empresas requerem pós-graduação para a atuação no cargo de assessoria de comunicação, mas isso é uma regra que varia de acordo com a companhia.

Conclusão

Como pôde ver, o cargo de assessor de comunicação é essencial para empresas que desejam se posicionar no mercado de forma positiva e atrair novos clientes.

Vale ressaltar que esse trabalho deve ser feito com ética e responsabilidade social, tendo em vista a natureza da área comunicacional e como a informação pode afetar o público.

Portanto, busque aprofundar seus conhecimentos na área para desenvolver boas práticas no trabalho como assessor. Desse modo, você irá se diferenciar no mercado de trabalho como um profissional habilitado.

Saiba tudo sobre marketing digital e automação:



Leia também

Mas e aí, este post ajudou você? Então, leia também: