4 dicas para atrair a (des)atenção do seu leitor

DinamizeInstitucional, Marketing Digital0 Comments

trlrkyO tempo de atenção do consumidor médio on-line parece estar ficando mais curto a cada segundo. A menos que você possa fazer ou dizer algo incrível, de forma rápida, você provavelmente vai perder a atenção dos seus leitores. Na verdade, nós apostamos que muitas pessoas já pararam de ler este conteúdo. Outra parcela, já abriu outra janela do browser para checar os “likes” no Facebook ou, ainda, optaram por ver aquele vídeo engraçadinho no YouTube.

Para aqueles que ainda estão lendo, por favor, entendam que esse tipo de “déficit de atenção” também se aplica às mensagens de e-mail marketing. Com raras exceções, quando se trata de e-mail marketing, menos é mais. As pessoas estão ocupadas. Estamos à procura da gratificação imediata – do e-mail que nos poupa tempo, poupa-nos dinheiro, nos torna mais inteligentes ou nos diverte.

Se a sua mensagem de e-mail marketing não pode fazer uma (ou mais) dessas quatro coisas é provável que o seu conteúdo não vá ser lido, clicado, compartilhado ou sua ação ser efetivada. Então, como criar um e-mail para esse público tão disperso?


1 – Assunto

oh-really-nowCrie uma linha de assunto convincente. Se um e-mail entrou na sua caixa de entrada com o assunto: “Queime depois de ler …”, você vai abri-lo? Talvez sim, por se tratar de algo inusitado, não que as linhas de assuntos “tradicionais” também não tragam resultados, mas se você acredita que as suas taxas de abertura podem ser melhores, por que não tentar algo diferente?

 

2 – Teste remetentes diferentes

Wonder-Woman-SpinVocê sempre envia suas campanhas usando o remetente da sua empresa ou marca? Que tal usar o seu nome? Você usa sempre o seu nome? Tente enviar a partir da empresa ou da sua marca. Porém, se você não tem medo de inovar, tente enviar de alguém como Don Draper, personagem da série MadMen. Foi isso que a MarketingProfs fez em 2012 em um e-mail para promover seu Fórum B2B.

3 – Prefira conteúdos curtos

very_interestingDizer o máximo com o mínimo de palavras. Esse é o princípio da concisão e a chave pra você ir direto ao assunto e atrair a atenção do leitor para levá-lo a realizar a ação que você deseja.

 

4 – Dê algo de valor

barney-yesEste é geralmente o mais fácil de fazer (em teoria), porém o mais difícil de executar. Por que, como é que se define valor? Afinal, ele é diferente para cada pessoa. Um e-mail que poupa dinheiro ao assinante oferecendo um desconto ou promoção, pode ser considerando algo de valor. Em outros casos, o valor é definido como economia de tempo, assim como uma mensagem com “dicas” que agregue conhecimento. No entanto, é por isso que o e-mail marketing é tão incrível. Tudo isto pode ser testado. Você não precisa adivinhar que tipo de ação gera mais valor. Você pode testar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *