Blog

Pluga: o que é e como melhorar sua produtividade com a ferramenta

Trabalha com marketing ou vendas, já precisou abrir diversas abas para realizar tarefas rotineiras e quer aumentar sua produtividade? É hora de conhecer a Pluga.

Pode acreditar: nos tempos de hoje, em que é crucial otimizar cada tarefa da sua agenda com o mínimo de trabalho possível, contar com esse sistema pode ajudar significativamente. Uma pesquisa da McKinsey mostrou que os colaboradores de uma empresa passam cerca de 1,8 horas por dia buscando informações.

Se isso ainda não te impressionou, pense assim: são 9,3 horas por semana que poderiam ter sido investidas em concentração e foco em produção, mas acabaram se tornando burocráticas, complicadas e repletas de processos desnecessários.

Agora que já entende a situação, vamos ao que interessa: afinal de contas, como a Pluga pode otimizar sua rotina e fazer você focar nas tarefas que não podem ser automatizadas?


O que é a Pluga?

Trata-se de uma plataforma capaz de integrar mais de 80 ferramentas diferentes. Ele garante que o que acontece no seu Facebook Ads, por exemplo, seja atualizado automaticamente em uma planilha do Google.

Incluiu um item novo ao database do Notion? Então, a Pluga garante que o evento seja criado diretamente no Google Calendar.

Instagram, Slack, Todoist, Calendly, Discord, Outlook, Hotmart, Sympla, Shopify, Asana, MercadoLivre, Gmail e Trello são apenas alguns outros casos de plataformas que podem ser integradas pela Pluga.


Por que usar a Pluga?

A premissa é básica, mas extremamente funcional: quando algo acontecer na ferramenta A, definir uma ação na ferramenta. Pode parecer simples, mas isso poupa muito tempo em grande escala. Quer ver?

Imagine que você usa o Asana para gerenciar tarefas na sua empresa. No entanto, toda vez que algo acontece, você precisa atualizar uma tabela no Google Sheets. Como um de seus fornecedores usa o Trello, é necessário também abrir esse sistema para lançar o avanço na tarefa. E por aí vai…

No fim do dia, são dezenas de abas abertas que consomem o desempenho dos seus dispositivos, confundem seu trabalho e geram atrasos para você e para a sua equipe. Tudo isso poderia ter sido evitado com soluções simples como a Pluga.

Além de evitar trabalho manual, ele não exige nenhum tipo de conhecimento técnico. Não é necessário programar nenhuma linha, já que existe uma tecnologia que, por si só, consegue combinar diferentes funcionalidades e entender combinações a partir de uma inteligência prática.


Como conectar as ferramentas que deseja na Pluga?

Autenticar as ferramentas na Pluga é muito simples. Antes de mais nada, escolha quais serão as plataformas mais interessantes para seu uso pessoal ou para a sua empresa. Foque no que é mais utilizado e demanda mais atenção.

Uma vez que isso for selecionado, basta fazer o login e dar as permissões para que a Pluga possa acessar os sistemas que utiliza. Com essa liberação, basta esperar 2 minutinhos e pronto: seu dia a dia está prestes a ficar muito mais fácil.


Em que tarefas a Pluga pode te ajudar?

As integrações da Pluga vão muito além das atualizações. Com ele, você pode gerenciar seus processos internos e externos. Por exemplo: se você gerencia as suas tarefas no Trello, pode garantir que um fluxo de entrada de demandas que vem de outro aplicativo seja encaminhado diretamente ali.

Mas também é possível conferir e gerenciar suas redes sociais e até fluxos de automação com esse diferencial. Afinal, a atualização em tempo real da Pluga permite uma espécie de relatório automático, que vai esclarecer como anda o desempenho de diversos dos seus projetos.

No final da semana, vale contabilizar a média de tempo que foi economizada. Uma pesquisa da Wrike mostra que 40% dos trabalhadores afirmam que a busca por informações é a tarefa que mais ocupa tempo durante o expediente. Então, o ganho de produtividade com o uso da Pluga deve ser visível logo nas primeiras semanas de uso da plataforma.

Mas lembre-se: é necessário fazer um período de adaptação para que seus colaboradores consigam entender e se adaptar ao que está surgindo de novo na rotina. É indicada uma reunião ou um guia que mostre as funcionalidades e os benefícios da Pluga.


Como a Pluga enxerga a segurança de dados?

Assim que você integrar as ferramentas que deseja na Pluga, perceberá que ele tem acesso a muitas das informações internas da sua empresa. Isso é inevitável, dado que trata-se de um sistema que depende do compartilhamento de dados.

Mas não há motivos para preocupação: a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados – 13.709/2018) é um tópico recorrente na comunicação da marca e consta como uma de suas prioridades. Afinal, a própria filosofia da empresa consiste na diferenciação entre operador e controlador.

Apesar da Pluga ser a operadora das atividades em questão, é o usuário que controla como os dados são envolvidos na rotina de trabalho. São poucas as situações em que essa dinâmica é modificada e ainda assim, quando isso acontece, tudo é feito de maneira transparente.


Quanto custa usar a Pluga?

Talvez você esteja se perguntando quais são os custos da Pluga para o seu negócio. Aí que chegam as melhores notícias: existem diversos pacotes disponíveis para os variados perfis de clientes que possam se interessar por essa inovação.

A Pluga oferece um plano free com até três automatizações e 100 eventos por mês sem custo algum. Apesar de ser simples, vale para começar a conhecer os benefícios da plataforma e entender como ela pode impactar o seu negócio.

Caso seja do seu interesse, é possível aumentar o serviço e contar com até 40 integrações e 12.000 eventos por mês. Isso mostra a versatilidade e a capacidade que a Pluga tem de atender a grandes demandas.


O que é e como funciona o Pluga Webhooks?

De acordo com a Pluga, esse recurso atua como uma ponte capaz de conectar dados de ferramentas que ainda não fazem parte do “hub” da plataforma. Demais, não é?

Nesse caso, diferentemente do formato tradicional que apresentamos anteriormente, pode ser necessário mexer em um pouco de programação. Mas não se preocupe: não é nada que você não consiga fazer.

Uma vez que você conecta as ferramentas em questão, você pode integrar via Pluga Webhooks com alguns passos simples. Copie a URL que será fornecida , faça as configurações conforme indicado e pronto: tudo vai estar resolvido.


Como integrar Pluga com a plataforma de automação de marketing da Dinamize

Primeiramente, é necessário acessar o menu Canais > Webhooks e escolher a lista desejada. Em seguida, é preciso definir um nome para o webhook, ativar e selecionar a plataforma desejada. Depois, é importante relacionar os campos da Pluga com os campos já existentes na lista, escolher um marcador e copiar a URL gerada.

Por fim, é necessário criar e ativar o webhook na Pluga, informando os nomes dos campos que serão enviados para a Dinamize e mapeando os dados.

Importante: só são aceitos eventos que enviam o email dos contatos. Confira como integrar a Pluga com a Dinamize!

Ainda não conta com plataforma de automação de marketing da Dinamize? Solicite uma conta teste gratuita para aumentar a produtividade das equipes de marketing e vendas da sua empresa!

O que acha de expandir a sua estratégia de marketing com o Dinamize Automation?

Conheça agora!

Leia também

Mas e aí, este post ajudou você? Então, leia também: