É difícil viralizar? Veja algumas estratégias de marketing viral e exemplos

Por Capa, Dicas, Marketing de Conteúdo, Marketing Digital, Redes Sociais

marketing viral

marketing viralTodo mundo quer viralizar. Seja para marcas ou então criadores de conteúdo, a palavra “viral” se tornou sinônimo de sucesso e fama. Isso não é por nada: conteúdos virais têm um desempenho acima do esperado, conquistando novos públicos rapidamente e, por fim, gerando brand awareness.

Com o boom das redes sociais e o surgimento dos influenciadores, as marcas visualizam o marketing viral como uma oportunidade de se tornar uma estrela da Internet. Hoje, qualquer um pode ser uma celebridade.

Mas o que será que existe por trás do marketing viral? Quais são as estratégias feitas pelos virais mais conhecidos do mundo e será que seguir essas estratégias garante que o seu conteúdo vai viralizar?

A resposta para essas perguntas sempre soa nebulosa, mas hoje, nós viemos explicar algumas delas. Então, continue lendo para saber:

  • O que é marketing viral;
  • As principais estratégias por trás do marketing viral;
  • Cases de sucesso do mercado.

Vamos lá?


marketing viralO que é marketing viral?

Marketing viral é uma vertente do marketing que tem o objetivo de fazer um conteúdo ser muito compartilhado, comentado e visto pelo público em geral. Nessa estratégia, a mídia utilizada é o próprio público-alvo e, por isso, o marketing viral tem baixos custos quando comparado com outras ações de marketing digital.

Conteúdos viralizam porque eles geram um certo “buzz”. Um exemplo muito comum são os memes. Muitas vezes, eles nascem no Twitter e são difundidos e espalhados com uma rapidez tão enorme que conseguem chegar em outras plataformas, como por exemplo no Instagram e no Facebook.

A grande questão do marketing viral é que viralizar não é fácil. Você precisa criar um conteúdo que gere identificação ou estranheza, e ainda, precisa ter um pouco de sorte. No entanto, existem algumas estratégias que podem te ajudar a ter mais potencial de viralizar. Vamos ver agora.


marketing viralAs principais estratégias por trás do marketing viral

Fazer marketing viral só por fazer não vale a pena, pois você precisa ter uma estratégia clara por trás que te traga algum benefício. Por exemplo, não adianta querer ser ousado demais sem pensar e acabar tendo a imagem da marca manchada. Viralizar por algo negativo é muito pior do que apenas não viralizar.

Bem, pensando nisso, vamos ver quais estratégias você pode aplicar no seu conteúdo para ter mais chances de viralizar da forma correta.

1. Analise sua persona

Uma das bases do marketing viral é o público, afinal, você depende dele para que seu conteúdo seja difundido. Então, para entender o que seu público quer e o que o agrada mais, é preciso estudar e analisar ele a fundo.

Você pode usar as ferramentas de análise de métricas das redes sociais para compreender quais conteúdos tiveram mais engajamento. Dessa forma, é possível identificar um padrão de comportamento na sua persona.

2. Use humor e gere identificação

Os conteúdos que mais viralizam na Internet são aqueles de humor, como memes e vídeos engraçados. E a razão pela qual as pessoas adoram compartilhar e comentar em memes é que elas se identificam com a situação. Por isso, é tão essencial entender a sua persona. Sem saber quais são suas dores e com quais contextos ela se identifica, fica quase impossível fazer marketing viral.

Um dos casos mais interessantes foi o meme da garotinha Chloe, famoso mundialmente até hoje graças a um vídeo que a mãe dela postou no Youtube. A verdade é que, às vezes, os conteúdos viralizam de forma tão espontânea e descontrolada, que fica difícil de entender como aquilo aconteceu tão rápido.

exemplo de meme que viralizou

3. Cause estranheza

A estranheza e a ousadia também são fatores que podem fazer um conteúdo viralizar. Quanto mais criativo e diferente for o seu post, seja ele em formato de vídeo ou imagem, mais ele vai atrair a atenção do público.

É importante destacar aqui que conteúdos controversos demais podem ter seu lado negativo. Muitas marcas acabaram sendo boicotadas e criticadas na Internet por terem postado campanhas polêmicas. Então, tenha muito cuidado.

4. Incentive o compartilhamento

Outro item essencial dentro do marketing viral é o incentivo do compartilhamento. Se você não desenvolver uma estratégia para que as pessoas interajam e compartilhem, é provável que não consiga atingir os resultados esperados.

Algumas dicas para estimular o compartilhamento de conteúdos e aumentar o alcance do post:

  • Usar hashtags de forma estratégica;
  • Escrever um bom CTA na legenda, pedindo para compartilhar;
  • Oferecer um material exclusivo de muito valor em troca de compartilhamento do post;
  • Pedir para que as pessoas marquem amigos em um post (apenas se fizer sentido no contexto do conteúdo);
  • Fazer um post em colaboração com outro perfil.

marketing viralCases de sucesso do mercado

Bem, já vimos acima que viralizar não é tão fácil assim e que tudo depende de uma quantidade de fatores. Para ilustrar melhor, vamos dar uma olhada nos maiores virais de marcas.

1. Ice Bucket Challenge

O Ice Bucket Challenge foi uma campanha promovida pela ALS Association para conscientizar as pessoas sobre a esclerose lateral amiotrófica, uma doença sem cura. O desafio era o seguinte: levar um balde de água fria ou doar para a ALS Association. Milhares de pessoas participaram, incluindo figuras públicas como Bill Gates, Mark Zuckerberg e Neymar.

As pessoas não só toparam o desafio, como também doaram para a associação. E uma inteligente estratégia da campanha foi determinar que a pessoa desafiada sempre deveria desafiar outras 3 a fazer o mesmo.

2. Dumb Ways to Die

Dumb Ways to Die foi uma campanha de serviço público australiano feito pela Metro Trains. O vídeo se tornou viral rapidamente, sendo compartilhado através das redes sociais. O objetivo era promover a segurança nas estações de metrôs e conscientizar as pessoas.

O vídeo animado consistia em um jingle que grudava na cabeça. Essa certamente foi uma campanha que causou estranhamento por ser muito criativa e ainda usar a música e o áudio como um recurso do marketing viral.

3. A selfie de Ellen no Oscar

Você lembra do momento icônico no Oscar de 2014 em que a apresentadora Ellen DeGeneres tirou uma selfie com um grupo de celebridades? Pois bem, essa foto foi postada diretamente no Twitter e se transformou no tweet mais retuitado da história, recorde que antes pertencia a Barack Obama.

Contudo, o que muitas pessoas não sabem é que essa foto foi totalmente planejada pela equipe de marketing do Oscar e da Samsung. No momento da selfie, Ellen estava segurando um smartphone da Samsung, que era patrocinadora do Oscar. Apesar do celular não aparecer na foto, na transmissão ele estava bem visível.

exemplo de marketing viral

Podemos concluir que o marketing viral acontece devido a uma mistura de diversos fatores, e mesmo que você siga todas as etapas da estratégia, nada garante que seu conteúdo vai se tornar um viral. No entanto, você pode aplicar tudo o que ensinamos acima para ter mais chances de se tornar um hit da Internet.

Mas e aí, gostou do conteúdo? Então, leia também:

O que é marketing de guerrilha? Definição, dicas e exemplos


Referências:

What is viral marketing? (And does it actually work in 2020)?

O que acha de expandir a sua estratégia de marketing com o Dinamize Automation?

Conheça agora!