Blog

Marketing de conteúdo para e-commerce: 8 dicas para atrair mais clientes!

marketing de conteúdo para ecommerceO marketing de conteúdo para e-commerce é uma estratégia poderosa para atrair mais clientes. A criação de conteúdos já se mostrou como uma ferramenta incrível para que mais pessoas cheguem até uma empresa. Por meio de materiais que ajudam a solucionar a dor da persona, é criado um vínculo que induz o consumidor à compra.

Por mais que o marketing de conteúdo seja mais associado a blogs e às redes sociais, também é possível aplicá-lo no e-commerce. São diversas técnicas que podem ser aproveitadas, como estratégias de SEO e textos persuasivos.

Mesmo com a enorme quantidade de lojas virtuais presentes na web, você pode fazer o seu negócio se destacar. Nesse caso, o marketing de conteúdo é uma alternativa muito útil e tem bons resultados.

Por isso, separamos 8 dicas de marketing de conteúdo para e-commerce que você pode aplicar para atrair mais clientes!


marketing de conteúdo para ecommerce1. Saiba quem é o seu consumidor

Essa é uma dica de ouro que deve ser seguida antes de mesmo de entender como criar um site de vendas e produzir seus conteúdos.

A sua persona é o seu público ideal e, por isso, é preciso conhecer bem os tipos de conteúdos que ela prefere. Aproveite a sua base de dados e identifique os padrões entre seus compradores. Entenda, por exemplo, qual é a média de idade, como eles pesquisam sobre produtos que querem comprar, redes sociais que usam e outras questões.

A partir disso, você consegue traçar o perfil fictício do seu comprador e, assim, criar uma estratégia de marketing de conteúdo para e-commerce. Além disso, as técnicas de vendas também serão mais direcionadas e com maiores chances de conversão.

Cada detalhe é válido e pode ajudar na definição de ações e campanhas mais específicas. A persona também contribui para aspectos como design da loja virtual, os métodos de pagamento e outros pontos que influenciam nas vendas.


marketing de conteúdo para ecommerce2. Tenha um cronograma para postar conteúdos

Se você não contar com um calendário de postagens, provavelmente não terá uma frequência adequada para seus conteúdos. São vários tipos de materiais que precisam constar no cronograma, entre eles:

  • Postagens no blog;
  • Envio de newsletter;
  • E-books;
  • Publicação de vídeos;
  • Posts em redes sociais;
  • E-mail marketing e outros.

Para não se perder em meio a tantos materiais que precisam ser entregues para o público, o ideal é ter um calendário de postagens. Além disso, também é preciso contar com os períodos sazonais de vendas.

Outro aspecto importante é a criação de conteúdos especiais para datas comemorativas. Afinal, elas são excelentes oportunidades para impulsionar as vendas, sobretudo em época de natal, Black Friday e outros dias importantes que têm grande aumento nas vendas.


Produza conteúdo relevante3. Crie um blog para publicar conteúdos

Não é novidade que o blog é uma das principais ferramentas do marketing de conteúdo. E não é para menos, pois criar materiais regularmente sempre gera resultados interessantes. Ter um blog é uma ótima estratégia de venda e ajuda seu negócio em muitos aspectos, entre eles:

  • aumenta a credibilidade da sua loja virtual;
  • estreita o relacionamento com os clientes;
  • responde dúvidas dos consumidores;
  • é um canal relevante para criar conexão com o público;
  • aumenta a visibilidade da sua marca;
  • permite o alcance de um público mais vasto;
  • atrai tráfego qualificado;
  • um blog ajuda a aumentar a sua base de dados.

Aprenda tudo para criar um eBook de qualidade

Baixe o material: Como Criar um Ebook do zero.


marketing de conteúdo para ecommerce4. Produza conteúdos criativos e envolventes

Muitas empresas acreditam que apenas criar um blog e postar alguns conteúdos é o suficiente e que isso trará mais consumidores. Entretanto, para que o marketing de conteúdo para e-commerce seja eficaz, é preciso investir em materiais que realmente sejam interessantes para a sua persona.

Nesse sentido, é fundamental criar conteúdos que sejam exclusivos e relevantes. Blogposts de qualidade ajudam na atração de tráfego orgânico, que podem gerar leads e, consequentemente, mais vendas. Portanto, identifique os assuntos mais interessantes para a sua persona e trabalhe para responder as dúvidas dela.

Além disso, a produção de materiais ricos também entrega bons resultados. Assim, você coleta dados para nutrir leads e aumenta a consciência do consumidor acerca da solução do problema.


Quais os principais benefícios dos produtos que você oferece? 5. Faça descrições detalhadas dos produtos

As vendas na internet podem gerar dor de cabeça para aquelas pessoas que não têm tanta experiência em compras online. Comprar em lojas virtuais exige certo cuidado, sobretudo porque não é possível pegar o produto nas mãos e avaliá-lo de perto.

É justamente por isso que as descrições de produtos em e-commerce precisam ser muito detalhadas. Quanto mais informações você puder passar para o consumidor, melhor. No entanto, as descrições estão relacionadas ao marketing de conteúdo, uma vez que podem ser aplicadas as mesmas técnicas.

Dessa forma, crie descrições com o máximo de detalhes sobre os itens à venda. Além disso, a aplicação de técnicas de SEO é essencial para melhorar os resultados. Por isso, adicione palavras-chave e use sinônimos para melhorar o ranqueamento.


marketing de conteúdo para ecommerce6. Capriche nas imagens dos produtos

Assim como ter boas descrições, as imagens dos produtos também têm extrema importância para as vendas em e-commerce. Afinal, o consumidor quer ver de perto o item, observar cada detalhe para avaliar se a compra vale a pena.

Quando um usuário faz pesquisas no Google, a imagem do produto é o principal detalhe que capta o olhar do consumidor. Portanto, se você quer que seus produtos ganhem mais cliques e, é claro, sejam vendidos, capriche nas fotos. As boas imagens precisam ter alta qualidade, iluminação apropriada e devem mostrar detalhes do objeto.

Outra maneira de melhorar ainda mais o posicionamento dos produtos nos buscadores é aplicar técnicas de SEO nas imagens. Utilize a tag alt text (texto alternativo) para descrever a imagem e salve o arquivo com o nome e marca do objeto.


Saiba o que os consumidores pensam sobre sua marca7. Tenha um sistema de avaliações

Você sabia que as opiniões de outros clientes podem influenciar na decisão de compra do consumidor? O visitante que chega até seu e-commerce avalia as fotos, a descrição do item e o preço, mas avaliações sobre o produto podem fazê-lo mudar de ideia.

Por exemplo, se ele apenas estava visitando a página sem muito interesse mas viu diversas avaliações positivas, isso pode fazê-lo considerar realizar a compra. Dessa forma, deixar um sistema para que os clientes deixem suas opiniões e avaliem os produtos é uma estratégia interessante.


marketing de conteúdo para ecommerce8. Tire as dúvidas dos consumidores

Investir em FAQ (abreviação de Frequently Asked Questions), ou perguntas mais frequentes, é um jeito de melhorar a experiência dos clientes e otimizar o tempo da sua equipe. Dúvidas que o público envia no contato do site, em redes sociais e e-mail podem ser respondidas nessa área.

Portanto, utilize as técnicas de marketing de conteúdo e crie perguntas e respostas simples e diretas. Use uma linguagem leve e objetiva, que entregue as informações e responda as dúvidas dos usuários. Se possível, coloque vídeos e infográficos explicativos para melhorar a experiência.

O marketing de conteúdo para e-commerce é muito poderoso e capaz de impulsionar ainda mais as suas vendas. Dessa forma, a sua audiência fica mais consciente sobre a sua marca e conhece os benefícios de adquirir seus produtos. Então, faça bom proveito das técnicas e ferramentas disponíveis!

Para potencializar ainda mais seus resultados, confira 99 ferramentas de marketing digital que você precisa conhecer!

Leia também: Técnicas de Marketing Digital: descubra as melhores para o seu negócio!

O que acha de expandir a sua estratégia de marketing com o Dinamize Automation?

Conheça agora!

Leia também

Mas e aí, este post ajudou você? Então, leia também: