Tecnologia Mobile: Não é vício, é necessidade

DinamizeCapa, Dinamize, Institucional, Mail2Easy, Marketing Digital2 Comments

A tecnologia mobile é uma necessidade!Somos viciados em tecnologia por não tirar a cara do telefone celular? Não creio. Somos dependentes dela, em especial, da tecnologia mobile. Não vivemos sem eletricidade, água encanada e esgoto tratado. E para viver precisamos desesperadamente nos comunicar. Mais, para viver precisamos de uma série de tarefas diárias, muitas enfadonhas e que consomem muito tempo.O extraordinário em relação ao smartphone e a tecnologia mobile é essa coisa de pagarmos uma conta debaixo do guarda-sol na beira da praia. De respondermos um importante cliente por email de dentro do banheiro. Termos cotações, acesso a informação, jogos, filmes, calculadora, previsão do tempo, messenger, skype, trânsito em tempo real, redes sociais, livros, fazer e editar fotos e vídeos e tudo isso dentro de um ônibus, durante um evento, no avião, no metrô, na sala de espera do dentista ou mesmo quando falta assunto na mesa do almoço.

Faz parte. Na verdade não estamos desperdiçando tempo, o estamos ganhando. Na medida que através da pequena tela em nossas mãos substituímos a ida ao banco, o uso do desktop (notebook?), eliminamos tempo ocioso trabalhando, fazemos compras enquanto esperamos o ônibus chegar em casa nós estamos ganhando um tempo enorme, fabuloso. É uma revolução de costumes que pode se traduzir em mais tempo livre e mais qualidade de vida. A tecnologia mobile veio para otimizar o nosso tempo e diminuir nossas distâncias.

A era mobile está sendo tão rápida e revolucionária quanto a própria internet o foi na transição de um século para o outro. Para indivíduos que vivem em zonas urbanas é cada vez mais raro um momento “offline”, Estamos disponíveis e online. Nossa criatividade não precisa mais esperar a segunda-feira. Nossos clientes também não. E temos fornecedores 24 horas, muitos entregando em outras 24.

Anúncio Mail2Easy ProMas acima de tudo o que escrevi até aqui temos nosso oráculo na palma da mão. Não há mais papo de bar, no menor exagero a gente saca o smartphone. Na menor dúvida ante as inquietações e dúvidas dos filhos temos respostas instantâneas sobre tudo e sobre todo o conhecimento humano. E ao vestir a tecnologia nas roupas, relógios, pulseiras, automóveis e tenis somos autosuficientes, autolocalizáveis e autodidatas. Ou talvez essa arrogância nos sabote.

Como de resto em toda a tecnologia desenvolvida pelos seres humanos, o uso que você faz dela te define. Com a tecnologia mobile não é diferente.

É claro que sempre podem aparecer frutas caindo na tela para demolir com o título do meu artigo.

por Jonatas Abbott, diretor executivo da Dinamize.


Mas por que investir em tecnologia mobile?

Para manter o crescimento corporativo, é preciso sempre investir em novas tecnologias, procurando novos recursos e soluções que permitam maior produtividade, redução de custos e que chamem atenção do público-alvo.

Para isso, a internet tem grande impacto nisso atualmente, pois a interconectividade e o acesso à web têm se expandido de forma acelerada a cada dia. Aliada a isso, a tecnologia mobile facilitou a acessibilidade e trouxe inúmeras oportunidades de mercado. Por isso, pode ser um grande erro deixar de criar conteúdos que se adaptem ao mobile.

HTML Responsivo não é padrão, é obrigação
Email marketing no Mobile: recordes nas vendas de fim de ano
Otimização de imagens em campanhas de marketing digital


O que é responsividade?

Responsividade é a capacidade de um conteúdo digital se ajustar a dispositivos de diversos tamanhos e resoluções, preservando a legibilidade e o design original. Veja como manter a responsividade em suas ações de marketing digital:

Blogs

Se você ainda não possui um blog em seu site, sugiro que comece a pensar nessa ideia, para divulgar conteúdo em busca de novos leads e divulgar sua marca da melhor forma.

Páginas que não são responsivas acabam ficando em uma posição ruim no resultado da busca do Google em smartphones e tablets. Faça o teste de sua página atual no próprio Google e saiba como seu site responde na tecnologia mobile e também no desktop.

Além disso, separamos entre temas free e temas pagos do WordPress para que você possa verificar.

  • Temas responsivos free

Já parou para pensar que seu tema pode ser antigo e não se adapta a vários tamanhos de tela? Você encontra diversos temas do WordPress gratuitos pesquisando no Google.
40 dos Temas Gratuitos do WordPress

  • Temas responsivos PRO

Existem também os temas pagos do WordPress, ou ferramentas como a Wix. Se você preferir algo diferenciado e não pretende investir muito, pode optar por trocar seu atual por alguma das opções destas ferramentas.
Outras ferramentas com temas responsivos:


Email Marketing

Email Marketing é uma das ações de marketing digital que traz o melhor resultado para uma empresa. Um dos principais motivos são fluxos de automações de email, onde você pode configurar emails automáticos para novos leads que se cadastram através do seu site, abandonam o carrinho de compras, lembrete de aniversário, entre outros.

Porém, não espere que um email seja lido somente em um desktop! Atualmente, seu cliente pode ler suas news tanto em um computador, como nos mais diferentes dispositivos móveis, como em um tablet, smartphone, ou até no relógio.

Se você não utiliza um design responsivo em seus templates de email, pode estar desperdiçando um grande potencial e perdendo clientes, pois por não conseguir ler o conteúdo, a maioria das pessoas deletam o email que não se adapta a leitura na tela do seu dispositivo móvel. Portanto, sempre pense primeiro em toda a tecnologia mobile que pode ser aplicada à sua campanha.

Media Queries
Existem várias ferramentas para envio de email marketing que já possuem editores que montam sua peça de email totalmente responsiva e que seguem os padrões para uma melhor entregabilidade nos provedores de email, bastando arrastar e soltar os conteúdos e preencher com as informações de sua preferência. Este editor é conhecido como editor Drag And Drop.

Porém, algumas pessoas preferem criar do zero ou utilizar outro tipo de editor para criar o conteúdo, mas para isso, é necessário ter conhecimento avançado em algumas tecnologias mobile como propriedades HTML, CSS inline e também em media queries com foco em responsividade para que seu email não fique com layout quebrado.

O que é media query?
Media query é um recurso que permite adaptar partes da sua peça (imagens, textos, entre outros…), para diferentes tamanhos de telas.

São componentes do CSS – Cascading Style Sheets (folhas de estilo em cascata) e funcionam como uma opção para acionar estilos no seu HTML com base em um conjunto de regras. Esta mudança consiste em três partes: media type, expression e as regras de estilo contidas na própria media query.

A media type nos permite declarar em que tipo de mídia as regras devem ser aplicadas. Existem quatro opções que você pode declarar: all, print, screen e speech.

As expressions permitem que você segmente os dispositivos com base em condições específicas que você passa na media query. Expressions testam media features, que descrevem diferentes recursos de um dispositivo, como largura, altura, proporção e cor. Embora haja muitos media features que você pode testar, a maioria dos designers de email confia nos seguintes:

  • max e min-width;
  • Largura máxima e mínima do dispositivo;
  • Proporção de pixels do dispositivo.

Por fim, as media queries precisam ser incluídas em um bloco de estilo que geralmente está localizado na parte superior do seu HTML, dentro das chaves. As regras de CSS podem ser alteradas quando o email é aberto em um dispositivo que satisfaz tanto o media type quanto as expressions.

Receba o conteúdo no email

Saiba quais as configurações essenciais para envios de email marketing


Formulários

Imagine-se navegando em sua loja online favorita e quando for preencher os dados em um formulário para cadastrar-se na newsletter, mal consegue preencher os campos pois precisa diminuir ou aumentar a tela? Concordemos que ter um formulário no site que não se adapte a vários tamanhos de tela, pode causar uma má impressão no momento da captura do lead.

Ter um formulário no site ou criar uma landing page específica para alguma promoção ou evento, é uma ótima estratégia para captar novos leads que possuem maior chance de serem contatos engajados com sua marca, já que possuem interesse em seu conteúdo.


Mobile first

A principal pergunta que os UX designers e estrategistas de SEO fazem é: como fazer com que todo este conteúdo caiba em apenas uma telinha?! Sim, manter a qualidade do conteúdo tanto em desktops quanto em dispositivos móveis pode ser bem complicado na maioria das vezes, pois além do tamanho das imagens e texto, precisamos considerar que o dispositivo mobile permite que o usuário desconsidere o conteúdo facilmente e a intenção é sempre manter a atenção máxima.

Os dispositivos móveis são o centro das atenções, já que o comportamento das pessoas à nossa volta envolve um celular ou tablet praticamente a todo momento, seja trabalhando, tirando fotos, lendo notícias ou simplesmente navegando nas mídias sociais.

Atualmente a busca de conteúdo através de mobile é maior do que a busca em desktops. Sabemos que a indexação do Google tem sido baseada principalmente na versão mobile, então isto afeta fortemente seus rankings e, consequentemente, afeta o tráfego do seu site caso ele não esteja utilizando-se de tecnologias voltadas para o mobile também.

SEO – O que é e por onde começar?


UX ou A Experiência do Usuário

O Mobile first vai além do que apenas desenhar antes para dos menores dispositivos. Quando você se delimita a preparar um conteúdo para uma tela pequena, você percebe a necessidade de priorizar apenas o conteúdo de maior importância.

Agora, se você está convertendo um conteúdo já existente para menores resoluções, é interessante se atentar em fazer quebras dos conteúdos para que ele se adapte à largura da tela em questão. Por exemplo, em um desktop você poderia facilmente ter 4 colunas alinhadas uma ao lado da outra, porém se mantesse o mesmo layout para um smartphone, ele já ficaria com o conteúdo bem mais apertado. A solução é fazer colunas fluídas que quebrem conforme a necessidade, enquanto no desktop são 4 alinhadas, no tablet poderia quebrar para duas e duas e no smartphone para uma abaixo da outra.


Facilidade dos dispositivos móveis

Atualmente mais de 41% dos consumidores já realizam compras por meio do smartphone e 30% via tablet, devido a facilidade de conexão com a internet. Em urgências ou até pessoas que estão totalmente acostumadas a utilizar celulares e tablets, já que é possível acessar a rede por meio de dados do celular ou pelo wi-fi em casa ou algum shopping, por que não aproveitariam para comprar direto e com maior comodidade?

Além disso, as redes sociais impulsionaram as vendas. O uso de redes sociais como Facebook, Instagram e Twitter é frequente, basta investir nos anúncios patrocinados segmentados para o público mobile e focar em uma presença marcante nas redes sociais, para encaminhar os usuários até um aplicativo ou direto para a página de compra do site.


Investir na tecnologia mobile pode gerar certo custo mas com certeza trará melhor resultado para sua empresa, já que os dispositivos móveis são fortemente eficientes quando se trata de vendas, pois diversas empresas têm desenvolvido aplicativos responsivos para facilitar a compra do consumidor. Lembrando que essa tecnologia não se aplica somente para ajudar com vendas, mas também facilita pesquisas na internet, compartilhamento de notícias, entre outras buscas.

Conteúdo relacionado

2 Comments on “Tecnologia Mobile: Não é vício, é necessidade”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

If you agree to these terms, please click here.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.