Push Notification – como chamar a atenção do público

Por Automação de Marketing, Capa, Dicas, Ferramentas, Marketing Digital

Push Notification

Push Notification

O tempo dos usuários está se tornando cada vez mais precioso, afinal, nós estamos vivendo na Era da Informação. Com tantos sites e aplicativos concorrendo pela atenção das pessoas, fica difícil criar uma estratégia eficiente para ser notado.

Foi assim que o push notification surgiu, sendo uma alternativa para empresas que não querem esperar pelo usuário de forma passiva. E com ele, a vida de muitas pessoas ficou mais prática e, pois elas começaram a receber informações sem precisar ir atrás.

Por isso, essa estratégia de marketing pode ser ótima pra você. Quer entender o que é push notification e como usá-lo para captar a atenção dos seus clientes? Então, continue lendo mais sobre:

  • O que é push notification;
  • Os 3 tipos de push notifications;
  • Manual das boas práticas de push notification.

Acompanhe!


Push NotificationO que é push notification?

Push notification é uma notificação que um usuário recebe, proveniente de um aplicativo de smartphone ou de um site. Seu objetivo é informar o usuário sobre alguma atualização, novidade ou algum assunto de seu interesse.

É importante ressaltar que push notifications só são enviadas para pessoas que permitiram o seu envio. Em um smartphone, por exemplo, é possível desativar as notificações de apps através das configurações. E ao entrar em um site, o usuário sempre vai se deparar com uma mensagem que pergunta “Você deseja receber notificações?”, podendo negar.

Por esse motivo, elas podem ser menos invasivas que mensagens SMS. E são ótimos lembretes para quem tem uma vida muito movimentada e atarefada, mas não quer deixar de receber as novidades do seu app favorito.


Push NotificationOs 3 tipos de push notification

O push notification aparece como um pop-up na tela e, quando clicado, leva o usuário até o aplicativo ou site de destino. E o conteúdo da mensagem pode ser bem variado. Vamos ver abaixo os 3 tipos principais de push notifications.

1. Notificações com base em atividade

O primeiro tipo são as notificações que surgem após um usuário completar uma ação no site ou app. Essas mensagens automatizadas podem aparecer quando um usuário realiza uma compra, por exemplo. Então, ele recebe um push avisando que o produto foi enviado.

Há também casos em que o cliente pode ter adicionado um produto ao carrinho, mas o abandonou. O push notification pode entrar aqui para incentivá-lo a fazer a compra ou então voltar ao site.

2. Notificações de sistema

As notificações de sistema servem para avisar os clientes de novidades, promoções e oportunidades. Também é muito usado por blogs e sites de notícias que atualizam o visitante com um aviso de “post novo”.

Se você tem um ecommerce, pode notificar seus clientes sobre a chegada de novos produtos ou sobre uma nova promoção. Portanto, mesmo que o usuário não esteja ativamente no seu site ou não esteja interagindo com suas redes sociais, ele ficará sabendo da novidade.

3. Notificações de usuário

As notificações de usuários são aquelas mensagens que avisam que alguém enviou uma mensagem a eles ou que interagiu com eles. Esse tipo de push notification é muito utilizado por redes sociais, comunidades online, marketplaces ou qualquer site que permite comentários e envio de mensagens.


Manual das boas práticas de push notification

Push Notification

Você tem um aplicativo ou site e deseja enviar notificações push? Bom, então você precisa realizar uma estratégia de marketing. Pense em qual seria o seu objetivo. Você pretende ter mais acessos no site, reforçar o brand awareness ou fazer referral marketing?

Depois de definir tudo isso, vamos às boas práticas das estratégias de push notification!

Segmente seu público

O legal das estratégias de notificações é que elas permitem que você segmente seu público-alvo de acordo com inúmeros critérios. Filtrando o público através de dados demográficos e de geolocalização, você terá uma comunicação mais assertiva.

Digamos que o seu ecommerce atende o Brasil inteiro, mas você quer fazer uma campanha específica para os estados do sul. Basta filtrar o seu público! Lembre-se que quanto mais personalizada for a sua mensagem, melhor.

Leia também:
Email marketing de boas vindas: como criar?

Não exagere na frequência

Assim como acontece com qualquer campanha de marketing, exagerar na frequência pode ser danoso para a sua marca. As pessoas odeiam receber mensagens demais e quando isso ocorre, elas já começam a considerar que estão sendo irritantemente interrompidas.

Segundo pesquisas da Push Crew, 74% dos internautas acham que receber mais de 5 notificações por dia é um exagero. Isso, é claro, no caso do desktop. Em aplicativos, a frequência deve ser menor ainda.

Portanto, não corra o risco de irritar seu cliente, pois ele acabará desativando as notificações push. Procure maneirar na frequência e envie apenas mensagens que realmente sejam do interesse daquela pessoa.

Envie no horário certo

A maior parte dos internautas não gosta de receber mensagens fora de hora. Ainda segundo a mesma pesquisa, 45% dos usuários sentem que estão sendo alvos de spam quando recebem mensagens no momento errado.

A maior parte da audiência afirmou que prefere receber push notifications pela manhã, antes de irem trabalhar. Os fins de semana também tiveram altos índices de aprovação. É claro que tudo vai depender das preferências de sua persona.

Portanto, faça sua própria pesquisa com sua persona para descobrir quais são os melhores horários para ela e procure enviar as mensagens somente nesses períodos.

Leia também: Qual a melhor hora para enviar emails?

Mensure os resultados

Colocar em prática é importante, mas mensurar os resultados não pode ficar de fora. Depois de definir seus objetivos e realizar sua estratégia digital, lembre-se sempre de confirmar a efetividade dos seus esforços.

Monitore os indicadores mais importantes, como por exemplo taxas de conversão, taxas de clique e outras métricas que indiquem qualquer coisa sobre o comportamento do usuário.


Conclusão

Se você ainda não usa push notification no seu planejamento de marketing, está perdendo a cereja do bolo. Lembre-se que para que a sua comunicação seja consistente, você deve investir em diferentes canais e estratégias e deve alinhá-las.

Dessa forma, há muito mais chances de que o retorno seja positivo. E como falamos no início do texto, as pessoas estão tão ocupadas ultimamente e recebem tanta informação da internet que elas gostam de receber lembretes e notificações, desde que eles sejam de seu interesse.

Esse conteúdo foi útil? Então, leia também:
6 canais de marketing que não podem ficar de fora da sua estratégia

Referências:

What are push notifications?

O que acha de expandir a sua estratégia de marketing com o Dinamize Automation?

Conheça agora!